O sorriso da Wal

Eu me diverti muito nos meus tempos de editor da Playboy. O humor da redação era geralmente excelente, eu tinha um grande prazer de ir até lá todos os dias. Havia vida lá. A alegria de juntar todos os dias um grupo de pessoas que se gostava de verdade. Isso ficou cada vez mais raro.

Waldirene Sperandio - a Wal - era a segunda secretária de redação, e ela simbolizava essa alegria. Qualquer favor que qualquer um pedisse a ela era atendido com um sorrisão de puro prazer de viver. (E além disso ela era palmeirense, como eu!) .

Foi muito triste saber de seu súbito falecimento hoje. Ela deixa um filho de 16 anos e uma legião de fãs e amigos. Nunca vi essa mulher triste ou mau-humorada (a não ser num único dia quando ela recebeu uma notícia trágica). Encontrar a Val sempre foi uma injeção de ânimo. Sua lembrança vai continuar sendo.

Comentários

Anônimo disse…
Permita-me, mesmo não te conhecendo, chamá-lo de Querido Dagomir, digo isso pelo carinho que vemos, você sente pela Wal.
Faço parte desta família, não há muito tempo, e também sentia esse carinho por ela, e em nome do pai dela, agradeço a você essa mensagem tão emocionada.
Abro somente um parênteses:
Ela não sofreu (graças à Deus), nenhum erro médico...
A equipe que a atendeu no Hospital São Camilo foi muito responsável e de um carinho muito grande, tanto com ela como com todos os familiares, tendo muita humanidade com todos, só temos a agradecer por ela ter encontrado pessoas que souberam lhe proporcionar o melhor nesses dias tão tristes e sofridos.
O que acontece mesmo é que essa doença é estúpida demais e não dá chance a ninguém.
A família Sperandio te agradece muito por todo o carinho por ela.
Abraços e nosso agradecimento.

Em nome da família Sperandio


Isabel Cristina
Dagomir Marquezi disse…
Isabel: já retirei a menção aos erros médicos. Afinal, minha mãe morreu em fevereiro deste mesmo ano (pela mesma doença) no mesmo hospital São Camilo, onde foi tratada extremamente bem até o último suspiro. Se der, me escreve um email: dagoblog@gamail.com
Waléria disse…
Obrigada pelo carinho com a minha irmã... é bom saber que ela era muito querida!
Obrigada de coração!
dio disse…
obrigado pela homenagem para com a wal a foto dela esta linda essa ruiva sempre estara no meu coração!
Serginho disse…
ESTRELA DE TODO O PORTE!

Quando surgiu o convite pra festa da PBY, o Aran me direcionou para conversar com a Walkiria Sperandio - A Wal. O primeiro email foi muito formal...Mas apartir dai, surgiu uma cumplicidade. A moça era de fato muito alto astral.
Na ida da para o Rio, conversei com ela 3 vezes ao telefone, e vi que ali tinha uma pessoa muito nota dez.
Quando cheguei ao Hotel, meu convite já estava lá, com um postite colado: "Serginho, Aproveite ao máximo seu sonho!! Bjs. Wal.". Aquele gesto vinha pra completar um sonho..
Ao chegar na festa, assim que me apresentei ao Aran, fui ao encontro dela. E dali pra o resto da noite tomando champagne e batendo papo, falando das mulheres, dos sonhos, da vida, da familia, dos dois onibus pra pegar para ir pra redação, das chatices do Aran e das frescuras das estrelas, o papo rolou até altas horas da madrugada.
Wal alto astral.
Wal gente boa.
Um coração enorme. Uma paixão pelo filhote de 16 anos..pela vida. Pela nossa Playboy.
Partiu cedo. Com muitos sonhos e planos ainda pela frente.
Nem só de estrelas de capa vive nossa revista.
Wal...obrigado por fazer parte da realização de um sonho.
Que Deus a receba com o mesmo postite de boas vindas.

Serginho
Andrea Carla Fayao disse…
É Wal! Ela sempre teve esse encanto divino... uma menina sapeca, e divertida, presa na figura de uma mulher, mulher de verdade por sinal, que nunca se abateu diante das dificuldades, sempre chutou as pedras, podou os espinhos, e aparecia com as rosas. Wal sem igual, única. Viveu pouco, mas intensamente. Minha amiga, sou sua fã. Mesmo tão jovem sabia ensinar coisas que não aprendi com minha mãe. Mãezona, dedicada, apaixonada pelo filhote "Cesar". Suas palavras sempre acalmaram meu coração perturbado, mas foram suas atitudes que me salvaram. Você para mim não foi só uma amiga, foi muito mais... te admirei, e ainda te admiro, e faço da convivência que tive com você meu marco... Xo baixo astral!! Foi muito, mais muito legal conhecer a Wal! E pra vc eu sempre paguei pau, valeu WALLLLLLLLLLL!!
Wal... pessoa iluminada, amiga, doce, forte... parece que ouço ela falar para mim: oi catatau.... que linda! Nos conhecemos na Playboy, trabalhamos juntas e a nossa amizade só cresceu...Guardarei você pra sempre no meu coração e tenho certeza que está muito bem amparada onde quer que você esteja nesse momento.... Te amo pra sempre! Kelly
debora disse…
Nossa, ela tá linda nessa foto!!!!Nos conhecemos na redação da Playboy, em minha breve passagem por lá na mesma função que ela. Ríamos muito juntas, eu ela e a Kelly... Lembro que uma vez tentamos ir a um show do Fábio Jr., pois tínhamos ganhado os ingressos de presente da Abril em comemoração ao dia da secretária... Infelizmente não deu certo, pois meu carro quebrou no meio do caminho...kkkkkkkkk....Elas acabaram indo de táxi e eu fiquei esperando o guincho....Ano novo na praia, passeios na caçamba da pick up,churrasco na casa da Catatau... lembranças boas de momentos felizes. Infelizmente existem coisas que fogem ao nosso controle. Nos deixou muito cedo,mas valeu! Saudades.... Débora
Dói muito a ausencia da Waldirene,
chamada pela nossa familia de Nê,
ela foi a primeira neta, então todos a chamavam de nenê, quando cresceu ficou só Nê.
Queria ter participado mais de sua
vida, mas ela era muito ocupada, não sobrou muito tempo para a Tia.
Vou guardar para sempre sua carinha
sorridente. Que pena, que perda, mas com certeza o céu ganhou muito com a chegada dela.
Tia Cida.
Eliana disse…
Minha querida bruxinha!!!
Estou com saudades!!!
Penso em você todos os dias... Te amo demais!!! Agradeço a Deus por você ter entrado em minha vida e trazido muita alegria e amizade!!!
Obrigada pela homenagem!!
Wal a gente ainda se vê! Beijos
Eliana (prima de coração)
Anônimo disse…
Wal,
Linda, formosa, sempre prestativa, amiga para todas as horas. Mesmo na distância, tinhamos sempre contato. Uma verdadeira amiga, nos conhecemos no tempo da Graforex.
Lembro-me do primeiro dia de trabalho na empresa, ela me recebeu com um sorriso, e me ajudou muito, sempre prestativa. Desde então, sempre estamos nos falando, mesmo que por e-mail, procuravamos manter contato, pois a distância não era impecilho, mesmo que fosse por e-mail.
Tenho esta imagem da Wal, sorridente, batalhadora, guerreira, mulher, mãe, uma GRANDE AMIGA.
Muitas saudades e grandes lembranças.
Mara Fernanda
cesar disse…
Mãe. ta sendo dificil ficar aqui sem voce, é uma sensaçao estranha chegar em casa e não poder te ver nem te ligar pra contar como foi o dia e perguntar como voce tá. varias horas quando estou na rua olho para os lugares onde costumavamos ir e lembro de tudo o que vivemos juntos, cada minuto parace que ficou eternizado na minha memoria, sei que nada acaba aqui e sei que um dia vamos no reencontrar é isso q me faz seguir em frente, quero que voce tenha ainda mais orgulho de mim!!! obrigado a todos pelos comentarios.
Mãe voce faz muita falta!!!

Postagens mais visitadas