Meus encontros com Raul Seixas


Raul Seixas foi um dos mais criativos e livres artistas de toda a história da música brasileira. Infelizmente sua genialidade foi ofuscada pela caricatura tosca de "maluco beleza". Nunca vai ter o reconhecimento "oficial" que se dedica aos medalhões mais bem comportados da MPB. Raul era incontrolável. Impossível de se rotular. 


Tive dois encontros pessoais com Raul Seixas, os dois muito tristes e frustrantes. Mas nada que abalasse minha profunda admiração pela sua arte e sua visão de mundo. Ele se foi aos 44 anos. Mas sua obra, rica, sólida e surpreendente ficou como herança. Nesses tempos de tanto conformismo e mediocridade, o espectro de Raul está mais presente do que nunca. É o que sinto neste terceiro encontro.

Comentários

Anônimo disse…
Dagô
Fiquei esperando que você descrevesse os dois encontros,pra gente e você não o fez. Gostaria muito de saber como e porque foi frustrante.
ab[
joão antonio
tika disse…
concordo plennamente com você dagomir!!! parabéns pelo belo texto.
abçosss!!!!


tikaluar2@gmail.com

Postagens mais visitadas