Lagoa 66: mais um monte de Besteira (em 2 versões)


Nos anos 1980 eu escrevia letras para a banda Lagoa 66. Uma dessas músicas - Besteira - provocou uma certa polêmica por causa do conteúdo provocativo. Eu fiz um desabafo contra clichês intelectualóides usados na época. Com a parceria de Rogério Naccache e Tadeu Patolla, Besteira virou um funk que fez dançar a platéia neste programa da TV Cultura em São Paulo:


O que eu não me lembrava era que em 2003 o Tadeu e o Rogério fizeram uma outra versão de Besteira. A letra foi esticada e hoje parece mais atual que nunca. A música também ficou completamente diferente, muito mais hard do que a versão anterior:

Comentários

Luiz Gomes disse…
Ainda prefiro a versão original.
Dagomir Marquezi disse…
Há controvérsias...

Postagens mais visitadas