A Grande Arte de Luiz Gê


Passei o fim de semana em Piracicaba para a abertura do 42o Salão Internacional de Humor. (Onde fui oficializado como o presidente do 43o. Logo mais escrevo sobre esse incrível convite).

Uma das melhores coisas da abertura foi reencontrar meu amigo Luiz Gê. A gente não se via há uns 20 anos. O Gê inaugurou uma exposição de sua obra em Piracicaba. A mostra é obrigatória para qualquer pessoa que ame a arte dos quadrinhos. Vamos torcer para que ela circule pelo país depois do encerramento do Salão de Humor.
Não passa pela minha cabeça qualquer  dúvida sobre o fato de que Luiz Gê é o maior artista de toda a história dos quadrinhos brasileiros. É a minha opinião, claro. Para mim, ele sempre esteve entre os melhores do mundo. Sua concepção de HQ é grandiosa e livre. Não posso exigir de ninguém  mais do que isso.


Foto: Carlos Colonnese

Comentários

Murilo Maluf disse…
Muito bom , merece ser relembrado sempre, e voltar ao cenário do Quadrinho nacional, um dos maiores gênios na arte.

Cada vez que leio algo sobre o Luiz Gê, lembro daquela HQ que saiu numa das últimas Chiclete com Banana (sobre uma viagem ao Centro do Universo) que (acho) nunca teve continuação, e já faz uns 25 anos...

Postagens mais visitadas