Copacabana

Rio de Janeiro RJ - Faz tanto tempo que não venho ao Rio de Janeiro que levei um susto com as obras de ampliação do aeroporto Santos Dumont. Parece que ele está dobrando de tamanho. Segundo consta, essas obras estão contaminadas pela corrupção na estatal Infraero, mas essa já é outra história...

No momento estou hospedado num hotel de Copacabana para realizar um artigo sobre um assunto extremamente precioso para mim. Vim para fazer uma entrevista dupla sobre a extinta editora Monterrey. Os mais novos não têm idéia do que ela significou para o Brasil na década de 1960. Mas ela foi fundamental para escritores como eu mesmo e Edson Aran, o diretor da revista Playboy, para a qual estou trabalhando.

A Princesinha do Mar parece a mesma. O tempo passa, mas Copacabana parece não ter mudado nem um pouco. Dei uma volta pelas redondezas. Ao lado da escuridão nas ruas, das marcas da degradação, dos eventuais tiroteios, das profissionais do sexo Copacabana parece inocente como nos tempos da editora Monterrey.

Comentários

Pumpkin disse…
Não é porque sou carioca, mas o Rio de Janeiro é lindo! Bem vindo à cidade.

Postagens mais visitadas