Na cabine do metrô

Pode parecer mentira (ou demagogia) quando eu digo que esse painel me deixa mais ligado do que o painel de um Jaguar ou uma Ferrari. Mas cada um nasceu com um gosto. Eu gosto de trem, o que inclui metrôs e trens urbanos.

Ontem (finalizando uma reportagem para a ÉpocaSP) realizei um velho sonho: viajei no metrô de São Paulo na cabine do condutor. Linha 1. Embarquei na estação Paraíso, fui com o condutor Jorge Alberto até o Tucuruvi e voltei com o Alex. Os dois me contaram como funciona a operação do trem. Deixaram claro o quanto sentem de prazer em pilotar aquelas máquinas. Todos os dias por aqueles túneis é uma visão de sonho. Às vezes, de pesadelo.

Filmei a chegada numa estação. Dá para ter uma idéia da sensação de estar lá na frente, carregando centenas de pessoas.

video

Comentários

Marrie disse…
Só vc mesmo, Dagô!
Sua empolgação e paixão por trens beira a inocência de uma criança. Lindo demais.
bjs ferroviários - rs

Postagens mais visitadas